Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Wilson Almeida homenageia Pata de Onça Bike Clube pela 6ª Ultramaratona

Wilson Almeida homenageia Pata de Onça Bike Clube pela 6ª Ultramaratona

por Cleverson Gouveia publicado 21/11/2019 10h42, última modificação 21/11/2019 10h42
Por proposição do vereador Wilson Almeida, o Presidente do Pata de Onça Bike Clube, Walter Aparecido Bernegozzi, recebeu moção de parabenização, extensiva aos demais membros, pela realização da 6ª edição da “Ultramaratona Pata de Onça”.
Wilson Almeida homenageia Pata de Onça Bike Clube pela 6ª Ultramaratona

Agência 7ª Arte

Na justificativa da homenagem, o vereador destaca que a realização da Ultramaratona, é reconhecida como uma das maiores competições ciclísticas do país. De acordo com o parlamentar, a prova se consolida por reunir atletas de alto nível e também por movimentar o calendário de eventos do município, bem como a economia nova-andradinense, pois estima-se que nos 3 dias em que os atletas e acompanhantes permaneceram em nossa cidade, foram gastos em torno de R$ 1 milhão de reais, gerando impacto altamente positivo no comércio local.

Para Wilson, a realização da Ultramaratona além de promover o esporte, eleva o nome de Nova Andradina no cenário nacional e internacional, contribuindo também para fomentar diversos setores do município, o que justifica, sem sombra de dúvidas, a referida Moção de Parabenização por parte do Poder Legislativo, e também apoio incondicional aos seus eventos, a fim de que continuem promovendo o esporte e contribuindo positivamente com a economia de Nova Andradina, completou.

Os integrantes do bike clube agradeceram a homenagem e o apoio da Câmara Municipal em todas as iniciativas do Pata de Onça.

Sobre a prova

A 6º Edição da Ultramaratona Pata de Onça, reuniu em torno de 650 ciclistas, dos estados do Paraná, São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Minas Gerais, Distrito Federal, Santa Catarina, além de 04 países vizinhos: Uruguai, Bolívia, Paraguai e Argentina.

Na tradicional prova de ultramaratona de mountain bike (XCM), foram percorridas por estradas rurais e em propriedades particulares, o total de 250 km, sendo 150 km no primeiro dia e 100 km no segundo dia de prova.

Conforme os organizadores, a exemplo das provas de IRONMAN, a ultramaratona exigiu dos ciclistas uma resistência e condicionamento físico e mental descomunais, não só pela distância de 250 km, algo inimaginável para as pessoas comuns, mas também pelo terreno e clima.

Para se ter uma idéia da dimensão da prova, a organização contou com cerca de 100 colaboradores, foram consumidos pelos atletas mais de 12.000 garrafas de água mineral, 1.800 garrafas de isotônico e 500 litros de refrigerante. Estima-se que mais de 1000 pessoas estiveram envolvidas no evento (entre ciclistas, equipes de apoio e familiares), fato que resultou na lotação dos hotéis de Nova Andradina e Batayporã (sendo que alguns ciclistas só encontraram vagas em Ivinhema e Nova Casa Verde), com grande movimentação de restaurantes, bares, lanchonetes, postos de combustíveis e comércio em geral.

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.

    

Mídias Sociais